Capa%20Wlademir_edited.png

Viagem à Amazônia

(Ou por que destruímos a Amazônia em uma geração?)

Convido-te a viajar pela Amazônia de um modo diferente e divertido. Esta obra foi pensada tanto a quem não é da região como a seus moradores. É um livro que pode ser lido em voz alta, juntamente com os seus colegas, amigos e familiares!

*Este livro é apoiado pela Secretaria de Estado de Cultura do Estado do Pará, com recursos provenientes da Lei Federal n.º 14.017, de 29 de junho de 2020.

João Meirelles

Versão PDF

mockup_livro_viagem a amazonia.png

SOBRE O AUTOR

Captura de Tela 2021-01-13 às 16.19.41.

Nome artístico: João Meirelles

 

Resumo: João Meirelles é escritor e ativista socioambiental. Sessenta e um anos, é paulistano e reside em Belém, Pará desde 2004. É autor de 16 obras, metade sobre a Amazônia, entre os quais o livro de contos O Abridor de Letras (Ed. Record, 2017, Prêmio Sesc de Literatura), o Livro de Ouro da Amazônia (Ed. Ediouro, 2004) e Viagem à Amazônia (2021, em formato e-book gratuito para jovens). É ativista socioambiental desde seus 24 anos, quando atuou na Fundação SOS Mata Atlântica. Contribuiu para o Instituto de Ecoturismo do Brasil, Camping Club do Brasil e diversas entidades. Desde 1998 dirige o Instituto Peabiru, organização da sociedade civil que atua na Amazônia.

 

ORCID: 0000-0003-3401-8340

  1. Escritor – principais publicações e atividades

 

Livros de ficção

  1. No prelo – Viagem à Amazônia. E-book. Publicação em abril de 2021 (Paradidático infanto-juvenil)

  2. Aboio. SP: Editora Laranja Original (Contos). 2020 ISBN: 978-85-92875-70-1.

  3. O Abridor de Letras. Prêmio SESC Nacional de Literatura, Categoria Contos. RJ: Ed. Record 2017. ISBN: 8501111694.

  4. Poisio. Publicado em blogspot em 2011, reunindo poemas de 1980 a 2011. http://joaomeirelles-poesia.blogspot.com.br/2010/03/poesia-de-joao-meirelles-filho.html

  5. Licença poética. SP: Massao Ohno editores, 1982 – poesia.

 

Livros de não-ficção

  1. No prelo – Krajcberg, uma vida. Publicação prevista em 2021 (biografia, em finalização)

  2. No prelo – Amazônia, uma introdução (atualização do Livro de Ouro da Amazônia, vinte anos depois), publicação prevista para fins de 2021 e início de 2022, em português.

  3. Grandes Expedições à Amazônia Brasileira, Século XX. SP: Ed. Metalivros, 2011, 262 p. ISBN: 978-85-8537-17-8.

  4. Grandes Expedições à Amazônia Brasileira, 1500-1930. SP: Ed. Metalivros, 2009, 242 p. ISBN: 858537190.

  5. Mobilização de Recursos para o terceiro setor, coautoria de Ricardo Maluf. Fortaleza: Fundação Konrad Adenauer, 1a edição – 2006; Belém: Inst. Peabiru: 2a edição com AVINA – 2008. ISBN: 85-7504-094-4.

  6. Amazzonia, Casa Editrice Corbaccio. Milão, Itália: Ed. Corbaccio, Grupo Mario Spagnoli, 2007.

  7.   8879728628, ISBN-13:  9788879728621. Livro de Ouro da Amazônia, RJ: Editora Ediouro 2007 (2003) (5a edição). ISBN: 8500021616

  8. Guia de ecoturismo da Serra da Bodoquena. Bonito: 2003 (meio eletrônico).

  9. Ecoturismo no Brasil, Florianópolis: Editora Letras Brasileiras. EMBRATUR, 2002. ISBN: 978-85-8220-010-0

  10. Guia Brasil de Turismo Ecológico. RJ: Índex, 1991. ISBN: 9788570830333. Em português e inglês.

  11. Amazônia, o que fazer por ela. SP: Cia Edit.Nacional, 1985.

 

Organizador, partes ou capítulos em livros (selecionados)

  • Frans Krajcberg: Biografia. In Outra Natureza. Rio de Janeiro: Aprazível Editora, 2017.

  • Patrimônio Natural Privado Brasileiro (organizador e capítulo sobre a Amazônia) SP: Ed Metalivros, 2016. ISBN: 858220013.

  • Rios do Brasil – História & Cultura. Autoria de parte do livro. A outra parte por Evaristo Eduardo Miranda. SP: Ed. Metalivros, 2016. ISBN: 978-85-82200-10-0.

  • Você já comeu a Amazônia hoje? in Amazônia Lugar da Experiência. Belém: UFPA, Maneschy, O. (org.) 2013.

  • É-se voluntário, ou não és? In Voluntariado. RJ: Vale SA. 2012.

  • A Era do Boi. In Amazônia. São Paulo, Araquém Alcântara, 2005.

  • Meirelles, J. & Martins, F. Jardins Suspensos da Amazônia e as pequenas praças de Belém. in Amazônia, Cidades e Jardins, anatomia urbana e identidades paisagísticas. Rubens de Andrade (Org). RJ: Paisagens Hibridas: Esc. de Belas Artes:UFRJ, 2016. ISBN 978-85-69970-02-6

 

Artigos em revistas de literatura

 

Artigos em revistas científicas e congressos (selecionados)

  • Meirelles, J. e Martins, F. Amazônias Viajantes. Os viajantes e a reflexão sobre a Amazônia nos últimos cem anos. Salamanca: Revista de Estudos Brasileños. Centro de Estudos Brasileños, Universidade de Salamanca. Vol. 6. No 11. especial: "Bioma Amazônia e seus desafios". P. 13-31. 2019. http://revistas.usal.es/index.php/2386-4540/issue/current/showToc

  • Meirelles, J. e Martins, F. Amazônia viajante “até dizer chega”. A contribuição dos viajantes no porvir amazônico – do século 16 ao fim do ciclo da borracha. Brasília: Revista do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, No 37. 2018. P 73-98. ISSN 0102-2571

  • http://portal.iphan.gov.br//uploads/publicacao/revista_patrimonio37.pdf

 

Prêmios e equivalentes

2017 – Prêmio SESC de Literatura, Categoria Contos, SESC Nacional.

 

Palestras e eventos de literatura

2021 – Circuito Arte da Palavra, Sesc (em andamento)

2019 – Flipelô (Salvador)

2018 – Circuito de 32 eventos entre feiras de livro e literatura, palestras e encontros, pelo SESC. em onze estados (AL, DF, ES, MG, MS, PR, PA, RJ, RS, SC, SP)

 

Outros

2010 – hoje – Colunista da Revista Página 22, da FGV –SP

2009 – hoje – Colaborador da Envolverde

2011 – 2012 – Colaborador do Site O Eco Amazônia

1983 – 1988 – Colaborador do Jornal da Tarde, São Paulo, SP

Demais artigos disponíveis em: https://peabiru.academia.edu/JoaoMeirelles

 

Currículo Lattes: verificar - João Carlos de Souza Meirelles Filho

 

 

  1. Ativista socioambiental

 

Principais experiências profissionais

1998 (jul) aos dias atuais (+ de 22 anos) – Instituto Peabiru, Belém, Pará – Diretor Geral – WWW.peabir.org.br

1997-2003 (7 anos) – Fazenda Pitangueiras, Bonito, MS ­– Gerente – agropecuária familiar;

1997–1998 (2 anos) – Mímesis Consultoria Ltda., São Paulo, SP – sócio de empresa – Consultoria;

1996–1997 (2 anos) ­– Trevisan Consultores Ltda., São Paulo, SP – Diretor de treinamento – Programas de treinamento fiscal, fortalecimento de recursos humanos;

1994–1996 (2 anos) – WhiteWater West Industries, de Vancouver, Canadá & Diretor Adjunto da Transversal Marketing e Desenvolvimento Ltda., São Paulo, SP – Diretor Adjunto – Desenvolvimento de novos negócios - parques aquáticos, temáticos e empreendimentos imobiliários;

1993 – 1995 (2 anos) – Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand – MASP, São Paulo, SP – Primeiro captador de um Museu no Brasil, estruturação da área de captação de recursos;

1992 (meses) – Unibanco SA, São Paulo, SP – Superintendente de Marketing – Unibanco Ecologia;

1991–1992 – Feira ECOBRASIL 92 – Alcântara Machado Feiras e Produções (paralela à RIO 92)

1985 – 1990 (6 anos) – Fundação SOS Mata Atlântica, São Paulo, SP – Vice-Presidente e diretor;

1991 (meses) – Secretaria de Meio Ambiente da Presidência da República, Brasília, DF – Assessor especial do Secretário José Lutzenberguer;

1983-1984 (2 anos) Fronteira Norte Engenharia – Diretor de planejamento, projetos de colonização Juruena, Cotriguaçu-Juruena, Matupá, Mato Grosso e em Carajás II e III, Pará.

 

Artigos selecionados

 

Outros

Previsto para 2021 – Curso on-line de introdução à Amazônia (aproximadamente trinta e cinco horas). Curso já gravado, sendo traduzido para o inglês e possivelmente ao espanhol

 

  1. Atividades acadêmicas

 

Seminários e equivalentes

20-23 de janeiro, 2020 – Amazônia Brasileña y comunidades indígenas en los siglos XX y XXI, Centro de Estudos Brasileiros, Universidade de Salamanca, Salamanca, Espanha.

23-27 de outubro de 2017 – Palestrante convidado para diferentes eventos, Department of Hispanic Language and Literature, Seul National University, Seul, Coreia do Sul.

 

Co-orientação de alunos

2017 – Luciana Batista Pereira, ISS, Erasmus University, Haia, Holanda.

2016 – Thais Moreno, Master in Hollistic Sciences, Schumacher College, The University of Plymoth, Reino Unido.

2015 – Elza Moutet, Diplôme d’Ingénieur Agronome, Agrocampus Ouest, Rennes, França.

 

 

 

  1. Conselhos e atuações voluntárias (principais atuações)

  • Comitê de Especialistas, Centro SEBRAE de Sustentabilidade, SEBRAE-MT (desde 2018)

  • Conselho Técnico-Científico do Museu Paraense Emilio Goeldi/MCTI (maio 2014-maio 2020)

  • Conselho Municipal de Meio Ambiente – CONSEMA, Belém, Pará (2017 - 2019)

  • ABCR – Associação Brasileira de Captadores de Recursos - Diretor Região Norte (2006 -2009)

  • Diretor de Ética (2003 -2005-2007)

  • IAERT – International Association of Rural Tourism Specialists - vice-president (2000-2004)

  • Instituto de Ecoturismo do Brasil – IEB – presidência (1995-2002)

 

Prêmios e equivalentes

2016 – Tribunal Regional do Trabalho TRT 8 – Ordem do Mérito Jus et Labor, no Grau Cavaleiro;

2013 – Prêmio Samuel Benchimol, Categ. Social, 1o Lugar, B da Amazônia, Belém – Literoflutuante;

2012 – Prêmio S. Benchimol, Categ. Social, 1o Lugar, B. da Amaz., Belém - Esc de Gestão da Amazônia;

2002 – Ashoka McKinsey – Prêmio Empreendedor Social, menção honrosa Escola Amazôniapé,SP; e

1981 – Fundação Getúlio Vargas, Escola de Administração de Empresas, Curso de Graduação em Administração de Empresas, Acadêmico Homenageado.

 

  1. Formação acadêmica

Administrador de empresas pela Escola de Administração de Empresas da Fundação Getúlio Vargas, de São Paulo (EAESP-FGV), 1981.

 

Línguas: Portuguesa (nativa), Inglesa (fluente), Espanhola (conversação e escrita).

 

atualizado em 8 de abril de 2021.

Barra Logos SECULT_TURISMO_GOVERNO-color